Sarau de 1 Poema Só

O “Sarau de 1 poema Só” é uma proposta que consiste na realização de um encontro organizado com foco num único texto literário que envolve o público/participante aleatório numa leitura coletiva.

 

Em contraposição aos saraus convencionais, nos quais há uma avalanche de autores, a ideia é focar num texto específico (que não necessariamente precisa ser um poema) de modo a proporcionar um “mergulho cognitivo e afetivo” no universo aberto pelo conteúdo de uma única obra, potencializando suas ressonâncias.

 

A dinâmica proposta é a de um fluxo de leitura, com duração aproximada de 50 minutos, realizado coletivamente com a participação do público, que deixa essa posição para se tornar participante.

 

Os coordenadores da ação (Gabriel Kolyniak e Paloma Klisys) utilizam instrumentos musicais e outras marcações sonoras desenvolvidas especialmente para cada texto, como disparadores das transições entre vozes. 

 

O uso desses disparadores e marcações tem como objetivo manter um ritmo envolvente de leitura e evitar que a dinâmica do encontro se torne monótona por intervenções muito longas.

 

O texto de cada evento é impresso e distribuído ao público/participante. A leitura é acompanhada por uma série de projeções de imagens relacionadas ao universo do texto escolhido.