Máquina de Inscrever

MáquinadeInscrever.PalomaKlisys
artwork

Máquina de Inscrever é um programa de rádio arte em formato podcast produzido e editado pela escritora, jornalista e pesquisadora INTERdepente Paloma Klisys com a participação de vários artistas e colaboradores. 

 

São programas de uma hora de duração sem as marcações convencionais de rádio, estimulando os ouvintes a exercitar uma escuta sensorial, fora do comum em relação aos veículos tradicionais.

 

O primeiro episódio da Máquina de Inscrever foi publicado em março de 2016. Atualmente, está a ser preparado o 18º episódio do podcast, que estará disponível nas principais plataformas agregadoras de podcast e tem registos de acesso de todo o mundo, de várias regiões do Brasil e de todos os continentes.

 

O título do podcast refere-se à atividade de inscrição, como que deixando um rasto, trabalhando com várias camadas discursivas e perspectivas sobre temas relevantes para discussões públicas.

 

O podcast é produzido com a participação de artistas e colaboradores das mais variadas regiões do Brasil, o que faz com que a proposta se destaque pela pluralidade de realidades e sotaques. Aberto a colaborações de pessoas ao redor do mundo e em todos os idiomas.

 

Os programas são compostos por várias fontes e materiais, tais como arquivos de som de domínio público, contribuições sonoras de artistas brasileiros e outras nacionalidades que trabalham com experimentações sonoras, poetas e escritores de diferentes regiões do país, áudios de grupos WhatsApp e Telegram e derivas feitas nos mais diversos ambientes, além de peças sonoras produzidas a partir de derivas urbanas nas cidades através das quais Paloma e os colaboradores transitam.

 

Atualmente, este projeto que é um processo criativo,  propõe uma série especial de 3 episódios , com periodicidade bimestral , fiel ao conceito que orientou a investigação das linguagens que deram origem à criação artística dos 16 episódios produzidos anteriormente. 

 

Cada episódio de uma hora (60 minutos) da Máquina de Inscrever apresenta material produzido por colaboradores, contemplando uma variedade de linhas de investigação estética, poética e filosófica. Entre os colaboradores que participam nesta obra coletiva encontram-se arquitecos, filósofos, poetas, escritores, profissionais das artes performativas, investigadores em programas de pós-graduação, educadores, músicos, e profissionais de vários campos do conhecimento. 

 

Todos os participantes e colaboradores são convidados a  produzir as suas contribuições com base nos universos temáticos extremamente amplos, compondo deste modo um mosaico de subjetividades que muitas vezes permanece no subterrâneo dos discursos. 

 

Paloma que é responsável pela concepção do programa, pretende continuar a produzir conteúdos de modo contínuo,  enquanto articula uma nova rede de artistas e investigadores dentro do ecossistema NEAR, extrapolando o contexto da produção em língua portuguesa e eventualmente produzindo versões poliglotas do programa  com pessoas de diferentes regiões do mundo, que podem  colaborar nas mais diversas línguas.

 

Atualmente a Máquina de Inscrever está a ser produzida no ecossistema Near junto com a Nomade Label DAO.

 

artworkinscriptionmachine.jpg

Programa 1

Programa 2

Programa 3

Programa 4

Programa 5

Programa 6

Programa 7

Programa 8

Programa 9

Programa 10

Programa 11

Máquina de Inscrever no Spotify, iTunes,

SoundCloud, Deezer, Amazon Music, Google Podcasts e Castbox

Os programas da série "Máquina de Inscrever" estão disponíveis nas principais plataformas agregadoras de poadcasts: Spotify, iTunes, SoundCloud, Deezer, Amazon Music, Google Podcasts e Castbox. Clique nas imagens abaixo para ouvir os programas na sua plataforma predileta.

Ouça "Máquina de Inscrever" no Spotify
MáquinadeInscrever no iTunes
MáquinadeInscrever no Deezer

Máquina de Inscrever - saindo da bolha

Máquina de Inscrever modestamente alcançando tímpanos alhures.

Programa 12

Programa 13

Programa 14

Programa 15

Programa 16

Países e continentes onde a Máquina de Inscrever tem ouvintes